Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / PL institui Campanha Permanente de Prevenção e Combate à Depressão

PL institui Campanha Permanente de Prevenção e Combate à Depressão

por Administrador publicado 12/03/2015 10h18, última modificação 12/03/2015 10h18
“A campanha objetiva, através de palestras, debates e divulgações, atingir o maior número de pessoas, independente de idade ou nível de escolaridade”, destaca Lucas
PL institui Campanha Permanente de Prevenção e Combate à Depressão

Segundo Rafael, o objetivo da Lei é ampliar a informação e o conhecimento sobre a Depressão

      Foi aprovado por unanimidade de votos, o Projeto de Lei nº 002/2015, de autoria do vereador Rafael Felipe Lucas, o qual institui a “Campanha Permanente de Informação, Prevenção e Combate à Depressão” no município. A propositura segue agora para sanção do prefeito.

      De acordo com o autor do Projeto, o objetivo da Lei é ampliar a informação e o conhecimento sobre a depressão, suas causas, sintomas, meios de prevenção e de tratamento, além incentivar a busca pelo diagnóstico e tratamento dos pacientes, combatendo também o preconceito que cerca à depressão.

    Durante a campanha, o município deverá realizar palestras, debates, distribuição de panfletos, implantação de placas ou banners nas vias públicas e outros meios necessários para atender os objetivos desta Lei. Neste sentido, a administração poderá firmar parcerias com outras instituições públicas ou privadas. “As despesas correrão por conta de verbas orçamentárias próprias consignadas no orçamento”, destaca o vereador.

       Lucas afirma que a depressão é uma doença que ataca tão sorrateiramente, que a maioria dos que sofrem dela nem percebem que estão doentes. “Segundo o Dr. Dráuzio Varella, em matéria publicada em seu endereço eletrônico, a cada dez pessoas que procuram o médico, pelo menos uma preenche os requisitos para o diagnóstico de depressão”, salienta o autor da propositura ressaltando que a Organização Mundial da Saúde considera a “depressão maior”, que é um dos tipos da doença, como uma das mais sofridas enfermidades no mundo, sendo um dos principais fatores de risco para doenças cardiovasculares, câncer entre outros.

      O vereador cita ainda outros tipos de depressão com as seguintes denominações: pós-parto, crônica; atípica, entre outras, as quais também merecem atenção por atingirem parte da população, que muitas vezes desconhece a doença. “A campanha objetiva, através das palestras, debates e divulgações, atingir o maior número de pessoas no município, independente de idade ou nível de escolaridade”.

      “A instituição da campanha permanente permitirá o esclarecimento de pessoas que muitas vezes não encaram a depressão como uma doença. Além disso, implicará no combate ao preconceito ainda muito presente entre pessoas, que não tem conhecimento das causas e efeitos dessa doença, bem como, poderá orientar pessoas que se encontram nessa situação ou que conhecem alguém que sofra desse mal”, conclui Rafael.

(Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Irati)

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.

NAVEGUE AQUI