Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Câmara Municipal homenageia Grupo de Teatro São Francisco de Assis

Câmara Municipal homenageia Grupo de Teatro São Francisco de Assis

por Administrador publicado 07/04/2016 10h06, última modificação 07/04/2016 10h06
“Uma justa homenagem em reconhecimento ao Grupo, que com esforço e dedicação, organizou uma nova equipe e resgatou a encenação da Paixão de Cristo”, destacou Antonio Celso
Câmara Municipal homenageia Grupo de Teatro São Francisco de Assis

Vereadores junto dos integrantes do Grupo São Francisco de Assis

    Na noite do dia 04 de abril, a Câmara Municipal homenageou com Moção de Aplausos, em Sessão Solene, o Grupo de Teatro São Francisco de Assis. O proponente, Vereador Antonio Celso de Souza reconheceu o Grupo pela retomada e ilustre encenação da  “Paixão de Cristo”, realizada no final de semana que antecedeu a Páscoa.  “Um grande espetáculo, que une arte e religiosidade e é um dos poucos do país realizado sem dublagem.  Sua última encenação em Irati havia sido em 2007”, destacou o vereador.

     Antonio Celso agradeceu ao grupo pelo esforço e dedicação, ao longo dos últimos anos, para trazer de volta esta importante peça. “Um grupo que para garantir a sobrevida do Teatro da Paixão, precisou se fortalecer e aumentar o elo de amizade e companheirismo entre a organização, além de atrair novos integrantes. Entre atores, figurantes e parte técnica, foram mais 200 pessoas envolvidas”, afirmou o autor da propositura parabenizando a todos os envolvidos na peça, que representa parte da história do nosso município, como uma grande atividade cultural para toda população. “Obrigado por trazerem orgulho e serem referência no Estado do Paraná, elevando o nome do nosso município”.

     Representando o Grupo, Célio Marcos de Oliveira agradeceu a homenagem. “Como dizia meu avô não existem velhos, existem jovens mais experientes e jovens menos experientes. É uma honra, uma alegria receber esta honraria, estou emocionando porque durante 20 anos de encenação, nenhum vereador lembrou-se de nós, sendo que esta peça é da comunidade de Irati. Temos apenas a responsabilidade de conduzir a coordenação, mas o trabalho é de Irati, leva o nome da nossa cidade e temos que nos orgulhar disso”, salientou Célio lembrando ainda daqueles 53 irmãos da peça, que já não estão mais entre nós, como o saudoso João Stroparo.  “Agradeço aos vereadores, a comunidade e principalmente a administração pelo fundamental apoio para realização do Teatro. A parceria entre a velha guarda e a nova foi uma experiência que deu muito certo”. Antes de concluir, Célio deixou uma mensagem: “Àqueles que não acreditavam que o teatro seria retomado, afirmo que quando todos se unem com o mesmo objetivo, tudo é possível. Que esta frase sirva também para o nosso país, temos que nos unir, o povo precisa se unir, porque quando isso acontece, tudo se realiza. Deus não escolhe os capacitados, ele capacita os escolhidos”.

     Antonio Celso de Souza entregou um Diploma de reconhecimento aos representantes do grupo, Célio Marcos de Oliveira e Laércio Muller, e em seguida, os Vereadores, em pé, externaram a homenagem, mediante aplausos. O Presidente Vilson Menon parabenizou a todos os envolvidos na peça pela dedicação, destacando mais uma vez a importância da honraria, em forma de reconhecimento à cultura e os artistas locais.

(Assessoria Câmara Municipal de Irati)

 

       

 

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.

NAVEGUE AQUI